Guia de sobrevivência para cuidar da saúde no Carnaval por Qual Farmácia

Guia de sobrevivência para cuidar da saúde no Carnaval

Está dada a largada! Reúna os amigos e os mais chegados, vista seu abadá ou sua fantasia improvisada e partiu para a folia! Mas não se esqueça: no Bloquinho do Qual Farmácia, o que vem em primeiro lugar é a sua saúde, por isso, aproveite para conferir nossas dicas para curtir bem esta temporada:

Evite os excessos

Muitos foliões encaram o Carnaval como uma festa para cometer todo tipo de excesso, seja na hora de beber, de virar muitas noites sem dormir ou até mesmo de pegar geral. Nessas ocasiões, o melhor é reconhecer os limites do seu corpo para manter a energia e, consequentemente, preservar a sua saúde.

Beba água

Para ter pique e conseguir acompanhar o bloquinho, beba bastante água! Essa dica também é essencial para aqueles que adoram consumir bebidas alcoólicas, pois estas estimulam o organismo a expulsar a água do corpo pela urina, além disso, a água também pode ser eliminada pela transpiração. Portanto, é importantíssimo repor essa perda de líquidos!

Nesses casos, você também pode optar por sucos naturais, água de coco e frutas ricas em água para hidratar e desintoxicar o corpo.

De olho no cardápio

Durante o feriado, a alimentação deve ganhar um cuidado especial. Afinal, é preciso evitar certas comidas de rua pela possibilidade de contaminação e proliferação de vírus e bactérias que podem causar a intoxicação alimentar, então é melhor sair de casa já alimentado com uma dieta equilibrada e rica em legumes, verduras, proteínas, carboidratos e gorduras do bem do que se expor a esse tipo de risco na rua.

Além disso, também há sempre a solução de carregar consigo algum lanche mais leve para o estômago não ficar vazio por muitas horas. Vale levar uma fruta ou até mesmo barrinhas de cereais para matar a fome. E, mesmo assim se não for possível fugir dos quiosques, dê preferência a lugares com as melhores condições higiênico-sanitárias e com opções saudáveis no cardápio.

Proteja-se do sol

É muito comum que a maioria das festas deste período aconteçam durante o dia, por esse motivo é bom estar preparado para encarar o Sol do verão! Antes de sair de casa, passe filtro com fator de proteção solar acima de 30, reaplicando-o a cada duas horas e use roupas de cores claras e leves, já que as escuras absorvem mais calor.

Também é fundamental se preocupar com a saúde dos olhos, pois a radiação solar pode causar lesões na córnea e na retina, bem como causar o desenvolvimento da catarata e do pterígio (a alteração da membrana sobre o globo ocular). Dessa forma, a melhor maneira de se prevenir é utilizando óculos de sol de boa qualidade e de chapéus, bonés ou viseiras que cubram os olhos.

Vai beijar desconhecidos? Cuidado!

Se você é do time que quer mais é beijar na boca, fique atento, pois normalmente trocamos em torno de 250 bactérias e alguns vírus quando beijamos alguém. Entre os mais transmitidos nesta época é a mononucleose, mais conhecida como a “doença do beijo”. Trata-se de uma doença viral com sintomas semelhantes aos da gripe: febre alta, dor ao engolir, tosse, cansaço, falta de apetite, entre outros.

Sexo seguro

Todo ano, durante o Carnaval, o Ministério da Saúde disponibiliza camisinhas masculinas gratuitamente à população, e este ano, o preservativo feminino também estará disponível em todo o país. Então, chega de desculpas! Se for fazer sexo: use camisinha! Além de prevenir as Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTS), o item também evita uma gravidez indesejada.

Não se automedique!

Evite ao máximo tomar remédios para curar a ressaca ou as dores no corpo. Depois de tantos dias de estripulia é bem normal que o seu organismo sinta os efeitos colaterais. Muitos medicamentos quando associados ao álcool podem levar a alterações tanto no funcionamento do fígado como do estômago.

Por isso, o ideal é aproveitar a folia de forma consciente. Beba água regularmente, alimente-se de maneira equilibrada e descanse, porque o corpo precisa recuperar as energias. Caso, os sintomas persistam, procure um médico para orientação e com a receita em mãos, adquira os medicamentos pelo aplicativo Qual Farmácia, pois você nem precisará sair de casa para pesquisar preços e comprar seus itens de farmácia.

No mais, boa folia e curta com moderação! Aproveite e compartilhe o nosso guia de sobrevivência com seus amigos e familiares foliões de carteirinha!

Leia ϟ comentários

ϟ Comentários

Voltar Comentar